top of page
Buscar
  • Foto do escritorConteúdos Católicos

Vivamos bem a semana santa

Esta semana é a mais importante para nós Católicos Apostólicos Romanos, pois percorremos com o Senhor o Seu caminho doloroso até ao calvário, onde por nós derramou o Seu sangue para nos resgatar da morte para a vida.

Um resgate que custou imenso sofrimento para Nosso Senhor, sobretudo, por aqueles que, indiferentemente afastaram-se e cegamente vivem as suas vidas normalmente como se, tudo o que Jesus fez por cada um de nós, fosse em vão e até mesmo inexistente.

Quanta cegueira espiritual!

Jesus sofre até aos nossos dias por esses irmãos que estão no erro e precisam das nossas orações e um esforço da nossa parte para os trazer de volta ao Coração do Senhor que, bate insistentemente por cada um que deseja abraçar com o abraço de Amigo, Irmão e Pai.


Façamos uma boa Confissão e reflitamos na Paixão do Senhor que se renova à cada dia em nossos altares.

É uma semana que devemos parar e meditar, estando em estado de graça para podermos ter uma melhor vivência, embora seja importante durante todo o ano procurarmos a amizade com Deus acima de tudo.

Hoje, estamos neste mundo apesar de tantos problemas, e temos a crença Nele, porque Ele assim desejou que existíssemos e O correspondesse. Quem ainda não O escutou, não compreendeu o significado e esse Homem-Deus que tem o Amor Maior e Infinito para nutrir a nossa alma de TUDO o que mais precisa espera o retorno de todos para Ele.


Rezemos por aqueles que desconhecem e não se importam com Jesus que os chama, como chamou à nós um dia e no decorrer desta semana tão importante, mudemos o nosso proceder para melhor e tenhamos o propósito de caminharmos sempre mais com Jesus, mesmo que soprem ventos contrários e grandes tempestades se desencadearem.

Aperfeiçoemo-nos no amor com Jesus e que este tempo pascal possa ser um dos melhores das nossas vidas e que com a Cruz que carregamos todos os dias, tenhamos Jesus como o Maior exemplo de resignação, obediência, fortaleza, coragem e confiança no Pai que, não nos abandona e essa mesma Cruz é necessária para nos moldar e santificar ao longo da caminhada, para no fim, ganharmos a Coroa da Glória.


Não confiemos em nós próprios, mas na graça que nos sustenta e nos chega do Alto, pois por nós mesmos nada conquistamos sem a Força que Deus nos envia.

Peçamos à Jesus que nos ajude a nos transformar naquilo que devemos ser para que Ele viva sempre em nós, no tabernáculo dos nossos corações e ressuscitemos de uma vida vazia e sem sentido, para uma vida de ação concreta e atuante com Ele.


Claudia Pimentel dos Conteúdos Católicos


Confira outros artigos que podem ser do seu interesse:



153 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comentarios


Post: Blog2_Post
Gabriel e mãe tela verde1.png
bottom of page