top of page
Buscar
  • Foto do escritorConteúdos Católicos

Dez Dicas Para Participar Frutuosamente da Santa Missa

Atualizado: 8 de set. de 2023


Apresentamos 10 dicas que o ajudarão a integrar-se melhor à comunidade católica e a viver plenamente a Santa Missa: 1. Chegue sempre pontualmente, inclusive antes de a santa Missa começar. Lembre-se de que o primeiro preceito da Igreja, que existe desde o século IV, é ouvir a Missa completa todos os Domingos e Festas de Guarda e não fazer trabalhos ou atividades que impeçam a santificação desses dias. Para isso, é importante chegar à Igreja a tempo. Para quê? Para preparar-nos espiritualmente em oração, fazendo nossa oração pessoal. Inclusive, para ver antecipadamente as leituras no folheto da Missa. Quando as leituras do dia são lidas antes da Missa, o coração se prepara melhor para ouvir o que o Senhor quer nos dizer e entender melhor a Homilia. 2. Entrando na Igreja, sua primeira ação deve ser cumprimentar o "Senhor". Nunca entre na Igreja distraído. Procure imediatamente o Sacrário. Haverá uma luz vermelha acesa indicando o lugar em que o Santíssimo Sacramento está reservado. Faça uma devota genuflexão, como sinal de adoração e respeito diante do Senhor. Uma vez feito o ato de adoração, busque um bom lugar para se sentar, de preferência ocupando os primeiros bancos. 3. Se você precisar se movimentar dentro da Igreja, faça-o com respeito. E quando tiver de cruzar toda a Igreja, passando na frente do altar, faça uma reverência profunda, ainda que a Missa não tenha começado. Se o Senhor já estiver no altar, faça uma genuflexão simples (encostando o joelho direito no chão). 4. Observe o silêncio. Haverá pessoas orando, preparando-se para a Confissão ou confessando-se. Permaneça em silêncio ou orando, como preparação pessoal e para respeitar o momento dos outros com Deus. Observe o silêncio antes, durante e depois da celebração, com exceção dos momentos em que se canta ou responde às ações litúrgicas. Considere a Missa como um Ato Sagrado. Isso implica em desligar ou silenciar o celular; não o deixe sequer vibrando, porque isso pode distraí-lo e o tornar dependente. Se, por distração, você se esquecer de desligar o celular e ele tocar durante a Missa, não saia da Igreja para atender: desligue-o imediatamente. 5. Vista-se com decência na Casa de Deus. No lugar onde se renova de forma incruenta o Sacrifício de Cristo na Cruz, vista-se da melhor maneira possível. Vista-se bem, mas pela dignidade do lugar e do momento, e não para aparecer. Não use roupas inadequadas, ainda que faça calor, nem roupas esportivas, pijama, shorts etc. 6. A Igreja nos pede um Jejum Eucarístico de 1 hora (de comida e bebida) antes da Sagrada Comunhão, com exceção da água e dos remédios. O jejum exige evitar inclusive a goma de mascar antes e durante a celebração. Esta norma não é opcional, e violá-la conscientemente é Sacrilégio. Observar esta regra é sinal de máximo respeito de quem identifica a presença real de Cristo na Eucaristia; é também a preparação mais adequada para receber o Senhor. 7. Controle seus filhos. Se forem pequenos, evite que fiquem brincando ou incomodando os outros; eduque-os no respeito ao lugar e ao momento; assim, saberão a importância da Missa. Se forem muito pequenos ou de colo e você não puder deixá-los aos cuidados de alguém, procure sentar-se nos bancos de trás da Igreja, caso seja preciso sair para acalmá-los no caso de chorarem. 8. Jesus diz: “Minha casa será chamada de casa de oração”. (Mt 21, 13). Portanto, o Templo Paroquial não é lugar para conversar. Não confunda a Igreja com uma cafeteria, não se sente com as pernas cruzadas, como nos atos ou reuniões sociais. (Observação minha: nem com os braços abertos sobre as costas dos bancos, como se estivesse sentado num banco de praça ou no sofá de sua casa).

A Missa não é um momento para expressar afetos pessoais. Se você está com seu esposo(a) ou namorado(a), deixe as manifestações extravagantes de carinho para outro lugar e momento. A Missa é um encontro a sós com Deus; vivam-na como casal, mas cada um dirigindo-se particularmente a Deus. 9. Participe ativamente da Missa e deixe suas leituras e devoções pessoais para outro momento (por exemplo, rezar o terço), seja este antes ou depois da celebração. Durante a Missa, evite os deslocamentos desnecessários, como peregrinar na frente de imagens de devoção. 10. Não incentive a distração. Na Missa, deixe de lado todos os outros assuntos ou pensamentos. Não desvalorize a Missa com um coração dividido, pensando nos seus assuntos pessoais. Não se ocupe de banalidades, nem se distraia olhando para os outros, muito menos com malícia. Tampouco passe o tempo todo olhando para o relógio, como se estivesse esperando a Missa acabar logo.

Padre Henry Vargas Holguin



Temos que nos conscientizar que estamos na casa de Deus na terra, dentro da Igreja e por isso cumpramos da melhor forma possível essas observâncias para melhor desfrutarmos desse momento tão essencial para as nossas vidas: A Santa Missa.

O tempo em que passamos em contacto com o Senhor Jesus é o mais importante que temos, ainda mais na Santa Missa.

O Senhor nos concede graças ainda maiores se em estado de graça e atentando à forma correta e piedosa, como no texto acima se refere, decidirmos por essas medidas.

Uma vez, tendo participado fervorosamente e atentamente do Santo Sacrifício no Altar (Incruento), lucraremos muito mais benefícios para a nossa vida espiritual.



Finalização de Claudia Pimentel dos Conteúdos Católicos


102 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


Post: Blog2_Post
bottom of page