top of page
Buscar
  • Foto do escritorConteúdos Católicos

O Exemplo de Noé e de Abrão Para a Quaresma

Uma Aliança Renovada


«Noé era um homem justo, íntegro em sua geração; Noé andou com Deu». (Gênesis 6:9).


Escolhido pelo Pai para encarnar - e libertar - o remanescente da raça humana, Noé foi chamado para refundar a família de Deus, como um novo Adão.

Curiosamente, a descrição do dilúvio de julgamento de Deus é notavelmente semelhante ao padrão da criação divina nos capítulos iniciais de Gênesis. Em ambos os casos, um novo mundo emergiria das águas caóticas das profundezas. Após o desembarque, a comissão divina de Adão foi repetida para Noé: «Frutificai e multiplicai-vos, e enchei a terra» (Gênesis 9:1). Deus também restaurou Noé ao antigo domínio de Adão sobre os animais (ver Gênesis 9:2).

Por fim, o Pai renovou a aliança da criação com Noé (ver Gênesis 9:9), revelando-lhe um arco-íris como sinal da nova aliança (ver Gênesis 44, 9:13). Claramente, o relato do dilúvio é apresentado como um evento de recriação. Até o nome de Noé é significativo: significa “descanso” ou "alívio" (ver Gênesis 5:29), refletindo o mandamento do sábado. O sábado é o sinal da criação de Deus com a criação; o arco-íris torna-se o sinal da aliança renovada de

Deus com a criação. Deus renova Sua aliança com Noé como marido - mas ainda mais do que marido, Deus renova Sua aliança com Noé como pai de família. Há quatro casais na arca, e Noé é o cabeça da família da aliança.

Noé sabia como se preparar e sabia como deixar ir.


Como esta Quaresma pode se tornar um tempo de preparação para mim? O que posso abrir mão?


Deus, como sou grato por Sua aliança renovada. Cada vez que vejo um arco-íris, ele serve como um lembrete de Sua fidelidade e amor. Oro para que eu possa seguir os passos de Noé e caminhar com você.


A Obediência da Fé


«Sai da tua terra, da tua parentela e da casa de teu pai para a terra que eu te mostrarei». (Gênesis 12:1).


E se Deus lhe pedisse para arrumar seus pertences, deixar sua casa e seu povo e viajar quase mil milhas para um destino desconhecido?

Tenho certeza que uma série de perguntas passaria pela sua cabeça. Como posso ter certeza de que essa ideia maluca é realmente de Deus e não apenas da minha imaginação? Supondo que sobrevivamos à jornada, como encontraremos um lugar para morar e um novo emprego para suprir nossas necessidades? Como posso saber se as pessoas que vivem lá são hostis ou amigáveis com pessoas de nossa raça? E se você ouvisse esta mensagem quando tivesse setenta e cinco anos?


Isso é exatamente o que aconteceu com Abrão.

Tendemos a encolher os ombros coletivamente e pensar: Qual é o problema?

Esse velho provavelmente estava morando em uma barraca no meio do nada.

Mas a realidade era bem diferente. Abrão vivia em Ur, a Las Vegas do mundo antigo, uma cidade conhecida por sua prosperidade. E o próprio Abrão era um homem rico. Nesse caso, podemos pensar: talvez Deus esteja finalmente mostrando algum sentido ao ir a uma

cidade rica para encontrar um homem poderoso e rico para conquistar o mundo pela força. Tal conclusão perderia completamente as intenções de Deus.


Deus essencialmente disse a Abrão: «Deixe esta cidade rica e poderosa e vá para uma terra que você nunca viu.

Deixe seu povo. Deixe todos os seus bens imobiliários». E Abrão obedeceu. Que fé incrível!


Por meio desse homem fiel, Deus foi capaz de gerar a crescente família de Deus.

Que nova direção Deus está me chamando para considerar? O que será necessário para que eu obedeça corajosamente?

A fé de Abrão era realmente incrível, Senhor! Oro para que minha confiança em você

aumente nesta Quaresma para que, quando eu ouvir você me chamando para uma nova direção em minha vida, eu tenha fé para obedecê-Lo de todo o coração.



As Sagradas Escrituras estão cheias de maravilhosos exemplos de homens, mulheres e famílias que ouviram a Voz do Senhor e puseram em prática uma vivência de acordo com a Vontade do Pai.

Espelhemo-nos nesses exemplos, pois é possível vivermos uma vida plena e congruente com os mandamentos da Lei do Senhor para nós.

Por mais pecadores que sejamos, existe a esperança de uma mudança total de vida.

Nesta Quaresma, dediquemo-nos mais arduamente nesta busca valiosa e oportuna, onde o Senhor nos espera de braços abertos para que junto à Ele, vivamos a nossa existência repleta do Seu amor e misericórdia e para que assim possamos transmitir aos outros que ainda não vivem esse sentido amplo e genuíno da importância de O seguirmos, abrindo um horizonte  pleno e reto na vida de cada um de nós.

Este é o sentido de se viver bem esta vida, pois se não a vivermos em Deus, perde-se o verdadeiro sentido.

Vivamos bem esta Quaresma e sempre á caminho da conquista das virtudes e valores sobrenaturais que nos elevam à Deus e nos ajuda a trilhar a meta da santidade desejada por Ele e possível à todos, basta haver a incansável e corajosa decisão.


Finalização de Claudia Pimentel dos Conteúdos Católicos

72 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comentarios


Post: Blog2_Post
bottom of page